Neurônio da Semana

Se temos a possibilidade de tornar as pessoas mais felizes e serenas, devemos fazê-lo sempre. - Hermann Messe

domingo, 3 de fevereiro de 2013

Negro Como: Epílogo

Eu quis de mais, sim.
Eu tentei abraçar a fumaça, eu tentei segurar a água na palma da minha mão.

Foi bom tudo isso ter acontecido, mas não digo que foi você quem me ensinou alguma coisa, e sim a vida que me mostrou o caminho, usando você. As pessoas são assim, e são do jeito que são. Ninguém muda, mas todos se adaptam, e não há sentimento no mundo que molde o caráter de alguém.
E se em tantos dias eu disse que andaria para a frente sem olhar para trás, eu estava mentindo.
Mas hoje é diferente.
E se já cantei alguma música pensando em você, estas não farão mais sentido. E se algum dia me arrependi de algo sobre você, hoje prefiro passar uma borracha em tudo que aconteceu.
É tempo de dizer: Adeus, adeus.
E agradeço por não ter alguma foto, isso me traria lembranças. Eu já bati a porta atrás de mim. E só olhei para trás para tirar o teu nome dela.

Nenhum comentário: