Neurônio da Semana

Se temos a possibilidade de tornar as pessoas mais felizes e serenas, devemos fazê-lo sempre. - Hermann Messe

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Viagem Pela Vida: Vou Embora


E a viagem começou com um passo só.
Um passo que você me fez dar.

Por mais que você esteja me fazendo andar pra frente,
Eu continuo olhando pra trás.

Você diz que não me entende.
Mas sou eu quem não consegue entender, como foi que tudo aconteceu?
Como foi rápida a mudança de vontade, de sentimento e de ideias.
Eu não entendo como as palavras, que um dia eram "vamos morar em algum lugar legal assim", no outro passaram a ser "prometa que não vai criar expectativas". Como elas puderam mudar o sentido tão rapidamente?

Nem o médico, que ao meu lado me pede o que sinto, nem o psicólogo, que me pede como me sinto, e muito menos meu amigo que me pede porque me sinto assim, sabem me ajudar. 
Porque compreendi, ninguém pensa igual a mim. Todos só querem saber de contar boatos, querem saber de conhecer os fatos, e, no fim, acabam não ajudando ninguém além de seus enormes e curiosos egos.

Bem vindos a viagem pela vida, esta mesma que acha que os melhores presentes que pode me dar são motivos (tristeza, decepcionado e porque a amo ) pra escrever.

Nenhum comentário: