Neurônio da Semana

Se temos a possibilidade de tornar as pessoas mais felizes e serenas, devemos fazê-lo sempre. - Hermann Messe

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

Negro Como: Solidão


Cá estou, novamente, sentindo o calor do vento.
Será que estive virado para o lado errado todo esse tempo?
Mesmo que hoje fosse o dia da família,
Como posso sorrir despreocupado,
Se cada pedaço do meu coração está em um lugar diferente?
Desenho círculos no chão, com um pedaço de tijolo,
E como cada tijolo vem acima do outro, como cada prego desaparece após uma martelada e como a chuva precisa cair no maior lugar possível, é assim que a vida precisa prosseguir.
Fila indiana,
Reforma ortográfica,
O clarão sem o som.
Enquanto uns escrevem, outros apagam. 
E eu continuo desenhando círculos no chão.
Esboçando corações. Lembranças. Desejos de uma vida que ainda está no futuro.


Nenhum comentário: