Neurônio da Semana

Se temos a possibilidade de tornar as pessoas mais felizes e serenas, devemos fazê-lo sempre. - Hermann Messe

sábado, 5 de junho de 2010

Procura-se: Um Pajé



Atenção! Procuro um pajé,  que seja bom no que faz.

Porque hoje, não adianta mais ter pés de arruda dentro de casa, não adianta mais só ir a igreja rezar meia hora, não adianta mais você ter boa vontade com o próximo, porque sempre terá aquele que não te quer o bem. Existem pessoas hoje que não se importam com  o bem-estar dos seus irmãos, nem com sua felicidade, seu sucesso na vida. Eles só querem o seu próprio bem, querem toda atenção para si, querem toda felicidade para si, querem impor regras no planeta que dizem que só eles devem e podem ter o direito de livre-arbítrio. Procuro um pajé, que com sua sabedoria e talvez alguns poderes místicos traga a paz que esse mundo tanto precisa. Que ele traga uma era de felicidade, tirando todo egoísmo, toda discórdia, toda inveja que a humanidade ainda não consegue se livrar. Que ele faça que o mesmo amor que sentimos pelo nosso pai e nossa mãe, que nos faça amar todos as outras pessoas e lhes desejar o bem absoluto. Que nos faça amar todos os seres vivos, preservando espécies, preservando matas, o mar, o céu e a água. Que nos faça abrir os olhos e ver que o dinheiro não é tão belo assim, que nos faça ver que o ciume é uma fraqueza, um egoísmo, que só nos leva a ficar sozinhos no mundo. Que nos faça enxergar que o nosso bem depende do bem de todos ao nosso redor, fazendo que queremos fazer o bem para nos fazer bem. 
Deus, se Você ler isso, seja esse pajé que tanto peço.

Nenhum comentário: