Neurônio da Semana

Se temos a possibilidade de tornar as pessoas mais felizes e serenas, devemos fazê-lo sempre. - Hermann Messe

sábado, 19 de junho de 2010

Memórias de um Bêbado

" O mal está a solta, seja na terra, seja no mar, o sentimos em cada canto do planeta e no ar " 



hahahahahah.. cabuloso.
O mal está por ai.. ele ja nao mais espreita pela escuridao em busca de almas possuidas pelo mal.. o mal hoje em dia está moderninho, sai as ruas, veste a roupa do demo e nao está nem ai. Não seja mal. Vo conta um causo que me aconteceu a agorinha uns belos anos atrás.
Estava eu, em algum bar da zona sul. Devia ser a boate azul ou algo assim, mas tanto faz. Só Nelson Rodrigues pra me absolver mesmo...
Fui meio que cambaleando pro ponto de onibus, mas eu não tava beudo! Sofro de labirintite. 
Lá quando cheguei dei de cara com uma muié:
- Po mas tu é feia  hein ? ... hic! - Nem me respondeu.
- Puta merda, mas tu é muito feia! Você não é feia feiaaaaa ...hic! tu é lazarenta de feia! 
A mulher, não se aguentando, fala:
- E você é um bêbado!
- É, mas amanhã eu melhoro... 

Ah! Eu sou assim, pra que ser grossa comigo? Dai foi que eu me calei e chego o onibus. Já me estranhei com a roleta. Olhei pro cobrador:
- Se meu pai fosse um gato e minha mãe uma gata, daí eu seria um gatinho. ...hic! Se meu pai fôsssse um touro e minha mãe uma vaca, daí eu seria um bezerrinhoo!

Não sei por que que as pessoas são grossas comigo, mas ele falou:
- E o que você seria se tua mãe fosse uma puta e teu pai um viado?
- Daí eu seria cobrador de ônibus. ...hic!

Passei a roleta e já emendei dizendo:
- Hoje eu quero é fajê um sexo!
Todo mundo me olhou assustado:
- Calma gente, que é só um por veiz! 

Aquela desgraça de ônibus balançava mais que eu, já fui ficando nervoso. Sentei lá atrás pra não incomoda ninguém:
- Do lado direito todo mundo é corno! ...hic! Do lado esquerdo é tudo viado! 
E do lado esquerdo levanto um negão que parecia um armario:
- Eu não sou viado!
- Então senta do lado direito que eu num gosto de confusão! ...hic!

Aí começaram a me xinga, fala que ia me lixa, que iam me ergue no pau. O motorista, parceiro dos "gole" viu que iam me desce a lenha freio o ônibus tão forte que todo mundo caiu. O negão veio, me ergueu pelo colarinho e falo:
- Quem que é corno e quem é viado agora safado?
- Agora eu num sei mais, misturo tudo! ...hic!

Graças a Deus chego na minha vez de desce do ônibus. Entrei na igrejinha pra reza um pouco e o padre, me vendo, grito:
- Quem for contra a bebida que sente-se agora! 
Sentaram-se todos.
- A lá seu padre ...hic! Shó nós dois hein? 

A daí o padre quis vim me da sermão, e isso me subiu o sangue. Sai da igreja e fui rumo a minha casa. Toquei o interfone:
- Oi, sheu marido taí ? ...hic!
- Está sim, quem deseja? Falou a muié.
- Dexa pra la sinhora. 
Cheguei na casa do lado:
- Oi, seu marido taí? ...hic!
- Ele tá tomando banho, quem é?
- Pooode deixa minha shinhora ...hic!
Na outra casa...
- Bom dia, sheu marido taí? ...hic!
- Está... vou chamá-lo...
- Não, não é preciiiiiiso jáaa eshtou de shaída.. 

Eu ja tava cansando disso. Será que eu estava perdido?
-Oi, sseu marido taí?
A mulher respondeu:
- Não, mas já deve estar chegando.
- Então, faz favor, olha aqui pra fora e vê she shou eu! ...hic!

Só muito tempo depois eu lembrei onde era a minha casa. Cheguei voando e fui reto pro banheiro. Mas o banheiro tava estranho. Corri no quarto fala pra muié:
- Ô muié... Essa casa ta mal asssssombrada! Eu abri a porta do banheiro e a luz acendeu shozinha.Depois, fechei a porta e a luz apagou shozinha. ...hic!  Dai ela me respondeu:
- Maldito, você mijo na geladeira denovo!

Daí a muié que não é muito flor que se cheire me chuto pra fora de casa. Fui prum beco dormi cherando a caninha e me robaro o relógio. No outro dia, já melhorzinho eu tava andando na rua e vi o cara que me robo o relógio. Fui em cima:
- Ei! Esse relógio aí é meu!
- Teu nada! Esse relógio eu peguei de um bêbado que eu comi ontem la no beco.
- Ah tá. Não é meu mesmo. Mas que parece, parece!

Aqui acaba o meu relato. Enquanto eu estiver shóbrio eu vou escrever aqui. 

Seu Zé é um beudo nato, que aprecia muito aquela caipirinha de sábado pela manhã, logo após de acordar.

2 comentários:

Hank disse...

hahahahahaha depois q vc falou de labirintite não aguentei. Envia pra Vanuza hahahahahaahaha

Felipe disse...

HAHA qe vanuza ?! kkkkkkkkk